Depressão vaginal: Sim ela existe, entenda as causas







Será que você sabe que existe depressão vaginal?

Também conhecida pelos médicos como vulvodynia a depressão vaginal afeta muitas mulheres isso porque todo nosso corpo fisíco esta sob o comando da mente, tanto para melhor, quanto para pior, ou seja nossas emoções alteram a saúde do nosso corpo, as vezes ajudando bactérias e fungos.

Sintomas da Depressão vaginal

Veja Também:

Câncer de vulva

Benefícios do Pilates

Sintomas da depressão vaginal:

  • Dores crônicas e intensas;
  • queimação;
  • irritação
  • E até comichão.

Uma das causas podem ser a alteração do Ph da vagina e a liberação de hormônios ou até mesmo a alteração de parceiros sexuais.

Até mesmo a lubrificação e o odor da vulva sofre mudanças.

A depressão vaginal também pode se dar devido ao estresse, depressão e ansiedade







Fatores da depressão vaginal

Fatores da depressão vaginal:

  • Câncer;
  • Tratamentos com laser na vagina;
  • Irritação causada por sabão;
  • Higienização da peça íntima;
  • Infecção adquirida por fungos;
  • Doenças sexualmente transmissiveis.

Tratamento da depressão vaginal:







  • Assim, fazer sexo seguro com frequência,ajuda a aumentar o fluxo sanguineo na região da vulva;
  • Evitar irritar a vagina com sabão;
  • Usar peças íntimas de preferência de algodão;
  • Depois do xixi lavar a vulva com água corrente;
  • Evitar usar roupas molhadas;

Atenção: Essas informações não substitui a de um especialista, procure sempre uma orientação médica.

Glitter para a vagina não é recomendado

Leave a Reply